Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

O início de um novo ciclo

26.11.20, Paula Veiga Claro
De hoje a um mês faz 13 anos. Há quem me pergunte porque é que já não publico tantas fotos dela ou porque é que não aparece com frequência nas stories mas penso que é óbvio. A Rafaela está uma crescida e eu também estou a crescer enquanto mãe. Tive de aprender a controlar os meus instintos de progenitora babada porque os filhos crescem e precisam de espaço e privacidade. Sei que para quem nos segue desde o início é estranho, até porque o blog Angel Luzinha nasceu com a (...)

Acho que é melhor nem pensar....

11.11.20, Paula Veiga Claro
Vocês sabem que eu adoro ir ao baú. Hoje andei a esgravatar e descobri esta memória tão boa do nosso S. Martinho em 2013. Andávamos pelo meu Alentejo a apanhar nozes, castanhas e dióspiros. A Rafaela segurava o alguidar e por ali andava (sempre a esvoaçar) com este sorriso delicioso atrás de nós e dos avós. Lá no nosso campo temos estas maravilhas ao alcance da mão (um luxo!) mas aqui temos de rumar à mercearia/supermercado para satisfazer os vícios. Contudo, nos tempos em (...)

GIVEAWAY em parceria com a loja Ca'tita

06.11.20, Paula Veiga Claro
Fotografar o catálogo outono inverno da loja Ca'tita foi daqueles trabalhos que me deu um duplo prazer. Porquê? Porque é uma loja multimarca que vende exclusivamente grandes marcas portuguesas para um público que adoro, ou seja, bebés, crianças e teens. Este casaco tipo bomber em estampado geométrico é da MDD e tem sido umas das peças mais vendidas nesta estação (tanto que já esgotou no fornecedor!) mas a Ca'tita (...)

A arte de dizer NÃO

05.11.20, Paula Veiga Claro
As crianças são peritas na arte de dizer "não". Muitas ainda nem sabem pronunciar o seu próprio nome mas já entoam esta palavra com todas as letras (para desespero dos pais porque a fase do "não" é lixada! Eu que o diga!). Mas as crianças crescem, o vocabulário aumenta e o "não" passa a ter cada vez menos entoação. Só mais tarde, quando atingimos a maturidade, percebemos que nunca devíamos ter deixado de entoar esta palavra com a devida convicção. Porquê? Porque só (...)

Cicatrizes eternas

03.11.20, Paula Veiga Claro
 Desde criança que pratico desporto e tenho uma alimentação saudável. Aliás, o desporto sempre foi o meu vício. Só parei em 2006 quando engravidei dos gémeos. Uma gravidez de alto risco durante a qual estive em repouso total porque eram gémeos verdadeiros e só tinha uma placenta que não nutria, nem oxigenava um deles. Aos 5 meses de gestação acabei por ficar sem o Pedro e o Rafael (faz dia 29 deste mês 14 anos). O mais débil foi o primeiro a morrer mas continuou dentro de (...)

Halloween 2020

02.11.20, Paula Veiga Claro
Aqui está o que ela e a amiga andaram a preparar nos últimos dias entre tintas, sprays e muita paródia. Apresento-vos a R e a M, a dupla de serial killers mais temível do universo :) Para o ano há mais! Também nos podem seguir no Instagram e Facebook

GIVEAWAY ara shoes

27.10.20, Paula Veiga Claro
Conforto, estilo e qualidade. Tudo reunido nesta marca que já faz parte da minha vida há uma eternidade e que, por incrível que pareça, continua a surpreender-me coleção após coleção. Há quem se renda aos seus modelos mais clássicos mas eu perco-me pelos desportivos e casuais, como estas botas modelo Rom Sport que vão ser as minhas companheiras neste Outono Inverno. Aliás, tenho uma profissão que exige calçado prático, confortável, resistente e flexível (passo muitas (...)

Atitudes que marcam a diferença

17.10.20, Paula Veiga Claro
A rebeldia da adolescência brota-lhe de todos os poros e materializa-se nas poses, nas expressões, nos olhares e nas palavras. É todo um novo mundo, é todo um novo eu. Mas o coração de fada continua intacto. Ontem aproveitou o furo de matemática para ir socorrer um pássaro que estava no jardim. Tinha-o visto no chão de patas para o ar mas não o pôde ajudar porque a campainha estava a tocar. Mas a prof faltou e ela entrou de imediato em serviço de urgência. Pediu umas luvas à (...)

Abaixo os lamentos

15.10.20, Paula Veiga Claro
O tempo que as pessoas perdem com lamentos e posts de indignação pelas redes sociais!! Posts que, na maior parte das vezes, não acrescentam nada de útil e pragmático (apenas subtraem!). Posts que servem puramente para espalhar informações distorcidas e alimentar os comentários (pseudo) científicos daqueles que são especialistas na arte da fofoca. Foquem-se no essencial. Estamos a passar por um momento que pode acabar com a vida de muitos de nós (não apenas no sentido (...)